Bem-vindo. Hoje é
Ultimas Noticias

Páginas

Novos carros na União

A Viação União adicionou a sua frota 30 novos ônibus,o modelo é o Torino 2014 fabricado pela Marcopolo montado sobre o chassi OF-1721 BlueTec 5 fabricado pela Mercedes-Benz.
Os ônibus são dotados de 48 Poltronas Semi-Rodoviária com o revestimento na cor azul,Ar-Condicionado da Marca Spheros,Possui 1 roleta da marca Foca ,Elevador da marca Foca-Braun e Painel Eletrônico Mobitec na cor Âmbar.

Fonte de Imagem e Texto: Cidade Buss
Leia Mais ►

Auto Ônibus Vera Cruz remaneja veículos

Foto: Autor desconhecido

Com a chegada de seus novos veículos, a Auto Ônibus Vera Cruz do Grupo Fábio's está remanejando aos poucos alguns de seus primeiros veículos com ar condicionado, Mega IV e Apache III. Eles irão receber o prefixo da frota municipal como forma de climatizar também suas linhas que operam no município de Duque de Caxias.
Leia Mais ►

Ônibus é incendiado em Colégio, Zona Norte do Rio

E mais uma vez o transporte publico é alvo da bandidagem. Dessa vez, um ônibus que fazia a linha 720L (Novo Rio X Madureira) foi incendiado na comunidade Jorge Turco em Colégio na tarde de ontem, 18/02.
O veículo do modelo Caio Apache Vip IV montado sob o chassi OF-1721L  adquirido a pouco mais de 1 mês pela Transportes Flores foi queimado como represália à morte de um traficante da favela.
Foto: Autor desconhecido

Leia Mais ►

Estado do Rio tem renovação de frota em massa com a Caio Induscar

Diversas empresas de várias cidades e municípios do Rio renovação neste último mês com o modelo Apache Vip IV fabricado pela Caio Induscar.
Viação Pendotiba e Amparo de Niterói, Viação Galo Branco e Estrela de São Gonçalo, Viação Vila Rica de Mesquita e Viação Ponte Coberta adquiriram da montadora mais de 100 ônibus equipados com ar condicionado para atender a população de cada cidade com qualidade.
Somente a Viação Ponte Coberta adquiriu com o financiamento do Programa Refrota, concedido pelo Ministério das Cidades cerca de 65 ônibus que ainda estão sendo entregues pela montadora. 



Leia Mais ►

Viação Estrela adquire seus primeiros veículos urbanos com ar condicionado

Integrante do Grupo Galo Branco, a Viação Estrela adquiriu nessa última semana juntamente com a Viação Galo Branco, suas primeiras unidades do modelo Caio Apache Vip IV montados sobre o chassi OF-1519 Blue Tec 5 equipados com ar condicionado; os primeiros da frota urbano da empresa.

Leia Mais ►

Pendotiba renova mais uma vez

Classificada uma das empresas com a frota mais nova do Brasil, a Viação Pendotiba segue sua renovação constante mais uma vez!

Seguindo seus últimos padrões, a empresa adquiriu novas unidades do modelo CAIO Apache Vip IV montados sobre o chassi OF-1721L da Mercedes.
Essa nova remessa deve substituir os carros do modelo Apache Vip 3 que foram vendidos no ano passado para empresas do RJ e de outros estados.
Leia Mais ►

Ônibus da Transporte Barra é incendiado na Vila Aliança

Durante uma operação da PM na Vila Aliança, em Bangu, Zona Oeste do Rio, um ônibus foi incendiado na Estrada do Engenho, altura da Estrada do Taquaral, na tarde desta quarta-feira (7). Ainda no decorrer da operação, dois suspeitos foram baleados por agentes do 14ºBPM e morreram, na tarde desta quarta-feira (7). O Corpo de Bombeiros foi acionado às 18h55.
Os dois baleados foram socorridos ao Hospital Albert Schweitzer, mas não resistiram aos ferimentos. Segundo a polícia, com eles, foram apreendidos um fuzil AK 47, uma pistola calibre 40, uma granada, um rádio transmissor e drogas. A ocorrência foi encaminhada à 34ª DP.
Segundo os Bombeiros, o fogo no ônibus da linha 737 (Santíssimo - Marechal Hermes) foi controlado. Em nota, o Consórcio Santa Cruz repudiou o ato e informou que o prejuízo por ônibus queimados ultrapassa R$ 63 milhões. Esse foi o décimo ônibus incendiado no estado do Rio de Janeiro em 2018, sendo seis somente na capital.
Nenhum outro ferido deu entrada na emergência da unidade de saúde, segundo o hospital.
Esse foi o décimo ônibus incendiado no estado do Rio de Janeiro (Foto: Reprodução/ Redes Sociais)
Fonte de texto: G1/Globo

Leia Mais ►

Viação Treze de Junho adquire veículos semi-novos

Nenhum texto alternativo automático disponível.

A Viação Treze de Junho de Petrópolis está prestes à receber sua mais nova aquisição. São alguns veículos oriundos da Viação Nossa Senhora do Amparo do modelo Caio Apache Vip IV montados sobre o chassi OF-1519 Blue Tec 5 que estão sendo repintados na JMA Simões.



Resultado de imagem para viaçao treze de junho
Leia Mais ►

Empresa encerra paralisação e ônibus voltam à circular em Campos

Os ônibus da Viação Salvador, empresa que estava em greve desde o dia 22 de janeiro, voltaram a circular parcialmente na manhã desta quarta-feira (7) na Baixada Campista, em Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense.
Segundo o vice-presidente do Sindicato dos Rodoviários de Campos, Davi Lopes, o motivo para colocar os ônibus nas ruas é o pagamento da diária recebida pelos funcionários da empresa. Todas as linhas da São Salvador estão funcionando, mas com a frota reduzida.
Com isso, as seguintes localidades voltaram a ter ônibus da empresa: Farol de São Thomé, Córrego Fundo, Largo do Garcia, São Sebastião, Beira do Tai, Donana, Goitacazes, Baixa Grande e Bugalho.
Ônibus responsáveis pelo transporte não saíram da garagem da empresa em Campos (Foto: Kamilla Póvoa/Inter TV)

A paralisação

A São Salvador havia tirado os coletivos de circulação após a administração da empresa informar que não tinha mais condições de manter o serviço sem que ocorresse uma revisão no valor da passagem e a fiscalização da Prefeitura no combate ao transporte irregular.
Segundo o Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT), a falta de reajuste ocorre por conta da má prestação de serviço, por isso estuda cancelar a atual licitação do transporte coletivo no município e fazer uma nova.

Fonte de imagem e texto: G1/Globo

Leia Mais ►

Exclusivo: Grupo Redentor adquire Apache Vip 3 oriundos da Estrela Azul

EXCLUSIVO
O Grupo Redentor recebeu ontem (06/02) cerca de 3 veículos do modelo CAIO Apache Vip 3 montados sobre o chassi OF-1721 Blue Tec 5 equipados com ar condicionado oriundos da Transportes Estrela Azul.
Os carros foram tomados pelo banco financeiro por falta de pagamento e postos à leilão onde a Redentor conseguiu adquiri-los e que provavelmente deverão receber o prefixo C30 da Transportes Futuro.
Autor desconhecido

Leia Mais ►

Secretário de Transportes dá prazo de 30 dias para sanar problemas de linhas de ônibus no Rio

O novo secretário municipal de Transportes, Rubens Teixeira, disse na manhã desta segunda-feira (5), em entrevista ao Bom Dia Rio, que espera em 30 dias restabelecer os serviços das linhas de ônibus da cidade e apresentar um preço justo para as passagens. Para isso, o secretário informou que está fechando contrato com uma multinacional, nesta segunda-feira, para fazer uma auditoria nos contratos de concessões das empresas de ônibus.
“Tenho um prazo de 30 dias para resolver ou encaminhar os problemas mais graves dos ônibus. Espero resolver os problemas mais graves, que são a ausência de ônibus, de linhas que foram retiradas das ruas. Espero que em breve eles estejam circulando. E também solucionando o problema de superposição de linhas de vans e ônibus. Linhas de vans vão ser canceladas. Problemas como ausência de linhas de ônibus e ônibus em estado precário devem ser resolvidos ou encaminhados para solução o mais brevemente possível”, disse Teixeira, destacando que esta é sua meta e que é irrelevante se ele vai ou não deixar a secretaria em dois meses para concorrer às eleições.
Para Teixeira, primeiro é preciso resolver o embaraço que há no sistema de ônibus. Segundo ele, já foi pedido à empresa que vai fazer a auditoria no sistema, para elaborar um estudo para determinar o preço justo das passagens de ônibus.
“O prefeito tem uma visão clara sobre isso. O preço tem de ser o melhor para a sociedade, mas também com justiça e equilíbrio”, disso o secretário.
Ele espera contar com o apoio do Ministério Público para, depois determinado o preço justo pela auditoria, levar à justiça o novo preço das passagens para fazer um acordo com a Rioônibus e as empresas. Teixeira diz que há questionamentos sobre o contrato e as mudanças que podem ocorrer, de ambos os lados.Para solucionar o problema de fiscalização das linhas de ônibus e de vans, a secretaria vai fazer um acordo com a Secretaria de Ordem Pública. Ele diz que como o sistema está em desordem, não há fiscalização.
“Se estabeleceu o caos no sistema. Há linhas de vans que precisam ser canceladas,
temos de resolver o caos para solucionar o problema. Estou no segundo dia de trabalho. Vou mandar cancelar a superposição de linhas de ônibus e vans e determinar o cancelamento de licenças dessas vans nos próximos dois ou três dias. ”, disse Teixeira, que destacou que as empresas preferem pagar as multas a colocar ônibus nas ruas.
Teixeira disse também que a climatização de toda a frota é uma obrigação contratual e que espera que a Rioônibus cumpra o acordado. Do contrário, vai ser uma decisão judicial. Ele disse que a prefeitura tem o poder de cassar a concessão das empresas e fazer uma nova licitação, mas que isso levaria no mínimo 90 dias. E se nenhuma empresa se apresentasse para a população ficaria sem ônibus ainda por mais tempo.
Leia Mais ►

Tarifa de ônibus de Niterói pode se manter no patamar atual por alguns anos

Foto: Evelen Gouvêa

A decisão da Prefeitura de Niterói de não reajustar este ano a tarifa dos ônibus municipais foi considerada correta pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). No estudo independente contratado pela administração municipal, técnicos da FGV realizaram uma detalhada análise do contrato de concessão do sistema, a evolução da prestação de serviços, a variação dos preços dos insumos e os reajustes concedidos nos últimos cinco anos. O estudo concluiu que a tarifa fixada em R$ 3,90 ano passado e mantida este ano não ocasionará prejuízos para o equilíbrio econômico-financeiro para as concessionárias. Segundo o secretário municipal de Urbanismo e Mobilidade de Niterói, Renato Barandier, a tarifa pode se manter no patamar atual por alguns anos.

O estudo foi encomendado pela prefeitura em agosto do ano passado e só foi concluído esta semana depois de uma minuciosa avaliação do contrato de concessão assinado em 2012 entre a Prefeitura de Niterói e os concessórios vencedores Transnit e Transoceânico. As propostas de melhorias dos serviços apresentadas por ambos foram confrontadas com o que foi efetivamente implantado nos últimos cinco anos. O estudo também levou em conta a variação dos insumos e da inflação ao longo do período.

A FGV chegou à conclusão de que a tarifa de equilíbrio para o consórcio Transnit deveria ser hoje de R$ 3,861 e para o consórcio Transoceânico, de R$ 3,903. Como a tarifa fixada pela prefeitura, de R$ 3,90, está entre os dois valores, o arredondamento para cima, no caso da Transnit, ou para baixo, no caso da Transoceânica, não ocasionará desequilíbrio financeiro para ambas, garante o estudo.

De acordo com Renato Barandier, o estudo será usado pela prefeitura para uma revisão no contrato de concessão.

“O contrato de concessão, de 2012, não promoveu a eficiência e a racionalização do sistema de transportes de Niterói. A falta de previsão para inovação e eficiência fez os consórcios mudarem muito pouco por força do contrato. As principais mudanças nos últimos anos, como o aumento da climatização da frota e a unificação das tarifas pelo valor menor, foram iniciativas da atual administração municipal e não estavam previstos em contrato. Agora, com esse estudo em mãos, vamos buscar uma revisão no contrato, criando mecanismos que estimulem os consórcios a buscarem a modernização, eficiência e a racionalização do sistema, beneficiando a população”, disse.

O secretário também ressaltou que será oportuno o estabelecimento de metas e punições no contrato de concessão:

“Vamos exigir dos consórcios melhores indicadores de desempenho, que possam ser monitorados pela prefeitura. Queremos estabelecer premiações para cumprimento das metas estabelecidas e fixar punições no caso de não cumprimento dessas metas. Nada disso está previsto no contrato hoje”, concluiu o secretário.

O estudo da FGV analisou todos os insumos que incidem sobre a tarifa dos ônibus. O objetivo foi entender todos os custos que influenciam na composição tarifária prevista no contrato. 
Climatização - Outro aspecto identificado no contrato e que pressiona a tarifa para cima foi a climatização da frota. No contrato não estava prevista a climatização total da frota de Niterói. Um ônibus com ar-condicionado consome 35% a mais de combustível em comparação com um ônibus sem o acessório. Isso impacta fortemente a tarifa para cima.
A meta de climatização de 90% da frota foi estipulada pela Prefeitura de Niterói na atual administração e não consta no contrato de concessão. Segundo dados da Secretaria de Urbanismo, mais de 75% dos ônibus de Niterói já possuem ar-condicionado, o maior índice de climatização no Brasil.
“Vamos adotar uma série de medidas para aumentar o percurso médio mensal dos ônibus (PMM). Se alcançarmos esse objetivo, a tarifa pode se manter no patamar atual, congelada por alguns anos, ou teremos reajustes refletindo uma melhoria maior para a população”, disse Renato Barandier.

Fonte: O Fluminense
Leia Mais ►

Passagem de ônibus fica mais cara a partir de segunda-feira

A passagem de ônibus fica mais cara a partir de segunda-feira (5), segundo decreto publicado no Diário Oficial do Rio. A tarifa vai passar de R$ 3,40 para R$ 3,60.
A decisão atende o sindicato das Empresas de Ônibus da Cidade do Rio de Janeiro (Rio Ônibus), que recorreu da redução para R$ 3,40. A magistrada considera o pedido "emergencial". Os consórcios alegaram em seus pedidos que oito empresas fecharam as portas e estão em iminente possibilidade de uma greve.
"Observo que a tarifa reconhecida não está vinculada a determinado período (2017 ou 2018) sendo ela fixada de forma emergencial", escreveu a magistrada.
Em nota, o consórcio Rio Ônibus informou que "vem alertando desde o início de 2017, o congelamento da tarifa, imposto pela Prefeitura em janeiro do ano passado, vem reduzindo gradativamente a capacidade das empresas de investir em manutenção e renovação da frota".
O Rio Ônibus informou ainda que "continua defendendo que uma auditoria independente indique o valor justo da tarifa, o que permitirá o equilíbrio econômico-financeiro do setor e a retomada dos investimentos, com a melhoria do serviço prestado à população do Rio. A omissão do poder público, que decidiu desrespeitar o contrato de concessão, compromete a qualidade do serviço e levará ao colapso o sistema de ônibus, responsável por transportar 4 milhões de pessoas por dia".
Fonte: G1 - Bom dia Rio

Leia Mais ►

Novos ônibus na EPT

Oito novos ônibus com ar condicionado somam-se à frota da EPT , Empresa Pública de Transportes que atende aos usuários do transporte municipal de Maricá com tarifa zero. Os veículos, que chegaram em Dezembro de 2017, acomodam 37 passageiros sentados e são inclusivos à pessoas com deficiência tendo elevador para acesso de cadeirantes, área reservada para cão-guia, balaústres amarelos e sinalização específica conforme as normas da ABNT. Eles também são equipados com câmeras de monitoramento e suportes pega-mão que dão mais segurança aos passageiros quando em viagens de pé, além de contarem com dois monitores de vídeo que poderão apresentar informativos de interesse para a população maricaense e conteúdos de entretenimento. Os novos 'vermelhinhos', como é popularmente conhecida a frota da empresa, têm previsão de operação para o inicio de Fevereiro, atendendo o aumento da demanda que já é crescente e deve se intensificar no período de Carnaval.  A aquisição eleva para 38 o número de ônibus atuantes pela autarquia municipal, diminuindo assim o intervalo das linhas já atuantes e dando a possibilidade de criação de novos itinerários entre os bairros de Maricá.
Fonte de Imagem e Texto: Grupo BSG

Leia Mais ►

Novos carros na FAOL

Já operam em Nova Friburgo, Região Serrana do Rio, novos micro-ônibus adquiridos pela nova FAOL para o transporte municipal daquela cidade. Os doze veículos zero-quilômetro estarão escalados em linhas de menor demanda ou com itinerário ingrime, otimizando o atendimento aos usuários. Os micros tem índices reduzidos de emissão de gases poluentes e ofertam 23 assentos com encosto para a cabeça, sendo parte deles preferencial aos portadores de passe especial, gestantes e obesos. Eles também são inclusivos à PCD com elevador de acesso para cadeirantes e área reservada para cão-guia, além dos balaústres amarelos e tácteis que contam com suportes pega-mão. Dispostas nas paredes do veículo ao lado de parte das poltronas, estão tomadas USB para recarga de smartphone ou aparelhos similares. 
Fonte de Texto e Imagem: Grupo BSG

Leia Mais ►

Expresso Recreio altera layout de sua frota intermunicipal

A Expresso Recreio, sediada em Guaratiba, optou por alterar o layout de seus veículos executivos que operam as linhas intermunicipais da empresa.
Alternando para o azul mais claro, a nova pintura da empresa se diferencia bastante da antiga que na qual era parecida com a pintura executiva municipal do Rio.

Leia Mais ►

Novos carros na N.S do Amparo

Mantendo a sua constante renovação e diminuindo cada vez mais a vida útil dos carros de sua frota, a Viação Nossa Senhora do Amparo recebeu ontem (02/02) algumas unidades do modelo CAIO Apache Vip IV montados sobre o chassi OF-1721L Blue Tec 5.
Leia Mais ►

Galo Branco renova com Apache Vip IV com ar para frota municipal

Atendendo a nova lei que determina a climatização de todos os ônibus municipais de São Gonçalo, a Viação Galo Branco adquiriu algumas unidades do modelo CAIO Apache Vip IV montados sobre o chassi OF-1519 Blue Tec 5.
Leia Mais ►

Ponte Coberta adquire seus primeiros veículos com ar condicionado

Administrada pelo Grupo JAL, a Viação Ponte Coberta recebeu nestes últimos dias algumas unidades do modelo CAIO Apache Vip IV montados sobre o chassi OF-1721 Blue Tec 5.
Leia Mais ►

Três Amigos adquire novas unidades do modelo Apache Vip IV.

A Auto Viação Três Amigos está prestes à receber algumas unidades do modelo CAIO Apache Vip IV montados sobre o chassi OF-1519 Blue Tec 5 da Mercedes-Benz.
Lembrando que essa já é a segunda remessa do modelo que a empresa já adquire que devem ser divididos entre as linhas da mesma dentro do Consórcio Internorte.

Leia Mais ►

Portal Notícias de Ônibus | Você pode anunciar aqui! Clique em Eloar Comunicação e saiba mais